literature

Solifugo gigante

Deviation Actions

BrunoKopte's avatar
By
Published:
0 Comments
3K Views

Literature Text


537378378 by BrunoKopte

    Não se sabe como os nabâtu obtêm estas montarias, e não se conhece uma tribo cujo totem seja um solífugo. Os donos destas criaturas afirmam apenas que "Não é difícil, pegamos um quando pequeno, damos uma gota de nosso sangue, e ele será forte como nós". Dado o misto de recursos feéricos e tendência a inventar histórias entre os nabâtu, é difícil definir a precisão deste relato.

    Fatos melhor definidos são como: os cavaleiros destas feras são imensamente orgulhosos de si e das mesmas, ao ponto de atacar ou escoltar viajantes apenas pela oportunidade de exibir sua superioridade inerente. Alguém desejando melhorar sua situação pode barganhar, mas saiba que sua melhor opção será contar-lhe uma história que não conheça. Segundo os nabâtu, estas histórias "serão então recontadas ao casulo de um demônio morto".

424532 by BrunoKopte
   
Capaz de correr em areia a até 50 quilômetros por hora, dotado de quatro mandíbulas poderosas, o solífugo gigante é um aracnídeo que dispensa veneno. Em contraste, o abdômen é macio e que o cavaleiro fique deitado sobre o mesmo. A manipulação de protuberâncias na cabeça substitui rédeas em montarias mundanas.

Uma montaria fantástica dos elfos do deserto.

Imagine que o abdômen é o assento de uma moto e o resto se resolve.

Guia do cenário Atma
Comments0
Join the community to add your comment. Already a deviant? Log In